Fala Assessor! – Apoio político: diga-me com quem andas…

Os apoios políticos, mais do que nunca, têm sido a causa – e muitas vezes consequência – das mais variadas manchetes que ocuparam a mídia durante esta eleição.

Estes, sejam positivos ou negativos, impactam diretamente sobre o trabalho das assessorias políticas pois, dependendo do seu teor, acabam obrigando à adoção de novas posturas que, definitivamente, tem o poder de promover mudanças radicais na opinião do eleitor.

As candidaturas presidenciais de Serra e Dilma são um grande exemplo disso.

O debate sobre quem apoia quem chegou a pautar um dos blocos do debate do último dia 10 na Band.

Nele, Serra declarou que “Dilma tem dois ex-presidentes com ela, que a candidata não cita: o Collor e o Sarney. Já eu tenho o Itamar e o Fernando Henrique.

Newton Cardoso, ex-governador de Minas, foi outro trunfo – não necessariamente positivo – utilizado nestas eleições. O pequeno PTdoB, ao invés de fazer campanha, utilizava seu horário gratuito na TV para reproduzir um vídeo em que este afirmava que estaria ao lado de Hélio Costa no caso de sua eleição para o Governo mineiro. Hélio perdeu.

Aécio Neves, por outro lado, tem se mostrado como apoiador pé quente. Elegeu governador e senador, e acabou de aderir a campanha presidencial de Serra – na qual fez falta (MUITO falta) no primeiro turno, quando estranhamente não participou.

A reunião política organizada na última quinta-feira com mais de 400 prefeitos foi a prova. O resultado… Apenas após a apuração do dia 31.

O Partido Verde e Marina decidem hoje quem apoiam. Não necessariamente caminharão juntos… E só o futuro, de curto ou longo prazo, dirá o que isso significa: a indiferença costumeira dos nanicos, o velho PV de guerra, caminhando por ideologia, ou o novo PV-Marina, guiado pelo fisiologismo.

Atualização às 14:30.

@VictorGuedes: O Partido Verde decidiu ficar em cima do muro, como sempre ficou. A democracia brasileira chora. #PlenáriaPV

@ReginaBrasilia: “O lugar mais escuro do inferno está reservado para o que se mantém neutro em tempo de crise.” (Dante).

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/10 (0 votes cast)